São Francisco Xavier

Bichinho, Prado MG
17 de fevereiro de 2016
Festas de Agosto.
18 de fevereiro de 2016

São Francisco Xavier

São Francisco Xavier, um lugar surpreendente, muito agradável. Se você for uma pessoa feliz pode encontrar o paraíso (um pedacinho) a somente 152 km de São Paulo.

A ideia era um final de semana de inverno. Campos (do Jordão) seria uma citação natural mas para quem como nós nada tem a ver com badalação, não gosta e não consegue entender qual a graça e a lógica de estar em lugares disputados fazendo de conta que se está passeando……Afinal estávamos no meio do inverno.

Foi ai que eu cometi o engano afortunado (vocês vão entender). Onde ir? Havíamos estado em Penedo/Itatiaia há pouco tempo. Lembrei-me de um comentário de uns amigos e soltei…………

– Tem uma cidadezinha nas vizinhanças de Campos que geograficamente oferece as mesmas condições e por não ser badalada nem é inflacionada nem está superlotada………..São Francisco Xavier!

– Nunca ouvi falar. Tem certeza? Beth não estava questionando, só queria detalhes.

Pesquisamos na internet e curtimos um site mais do que lindinho, http://www.portalsfx.com.br que já deixa qualquer um bem motivado pela cidade. Parabéns ao pessoal da Bravura pelo ótimo produto criado (www.bravura.com.br).

Antes de descrever esse lugarzinho gostoso, vou explicar essa estória de engano e acerto.

 

A cidade próxima a Campos de Jordão que me referia era Santo Antonio do Pinhal. Como Antonio também era Franciscano e eu sou muito chegadas a ambos e ambas ficam na Mantiqueira, só fui descobrir a troca depois que já havíamos nos decidido pela viagem. Nada contra Santo Antonio do Pinhal, mas tudo a favor de São Francisco Xavier.

SFX, essa sigla é muito utilizada na cidade deve ser recomendada em todos os sentidos. Próxima, ótimo acesso, tranquila, ótimo astral e surpreendente. SFX não tem muita fama, mas tem muito conteúdo. Tem visual, beleza natural de paisagens e cachoeiras. Tem um conjunto arquitetônico agradável. As pousadas são confortáveis, o realmente surpreendente é a culinária. Lá as casas são incomuns, seus cardápios nada têm de mesmice. Você pode se aventurar sem medo Arroz Negro, Geleia de Pimenta, Trutas. Pratos e ambiente na concepção que mais me agrada: simplicidade e ótimo gosto.

A culinária de São Francisco é ótima em todos os sentidos. Os cardápios parecem fruto de uma competição entre chefes onde as maiores notas seriam para criatividade, sofisticação e esmero. O serviço é simpático, e em termos de relacionamento isso é o que realmente importa simpatia.

Os preços são razoáveis, não encontrei nenhum exagero. E todos os adjetivos para a cozinha e para o serviço podem ser utilizados com relação ao ambiente. A decoração é esmerada. Muita arte popular, antiguidade, coisas da terra, da vida simples no interior.

Vários estabelecimentos oferecem uma ala de armazém para você poder levar amostras das especialidades da casa.

Na Rua XV de Novembro estão vários ótimos exemplos. Faça o que fizemos, com a maravilhosa surpresa do primeiro estabelecimento escolhido, João de Barro, resolvemos não repetir….e não nos decepcionamos.

Anotem: João de Barro, Piccolloo Emporium, Alegro, Photozofia Arte & Cozinha, Caboclo Pizzaria. Esses eu conheci aprovo e recomendo.

Vejam que detalhe interessante na entrada do Piccolloo Emporium

 

 

 

 

 

 

(1) João de Barro            (2) Allegro

Distância e percurso.

Estando em São José dos Campos (Rodovia Pres. Dutra Km 154) temos uma ótima sinalização indicando SFX. A distância total de São Paulo é de 152 km. As estradas são boas e no máximo em 2 horas você já estará na cidade.

Pousada Kolibri – Um haras, uma fazenda dedicada à criação de cavalos manteve sua estrutura básica e se adaptou para acomodar seus hóspedes de maneira criativa em suas baias.

                                                                          Você vai gostar de se hospedar numa estrebaria.

Por ser uma fazenda não fracionada a pousada tem uma extensa área. Isso valoriza muito a hospedagem que já é um incrível passeio.

Dentro da sua área temos um riacho interessante com várias corredeiras e muitos locais para banho.

Glaico é o nome do responsável pela pousada. Um negro simpático, nascido na Suíça com uma experiência de vida gostosa de ser ouvida.

 

Laika e as estrelas, as surpresas da chegada.

A Pousada Kolibri, nossa escolhida, fica afastada do centro da cidade. Chegamos, colocamos o carro no estacionamento e a primeira agradável surpresa foi a Lu abrir a porta e receber o amistoso olhar de Laika, uma pastora alemã tão preta quanto a noite vista de dentro de uma área muito grande de proteção ambiental.

Laika pousou o focinho no colo da Lu dando votos de boas vindas em forma de algumas lambidas. Vimos depois que a cadela é realmente uma bela guarda da propriedade que aceita e executa rapidamente os comandos de Fulano o diretor da pousada.

A cidade está numa região alta da Serra da Mantiqueira e encravada numa imensa área de proteção ambiental. Chegamos numa noite de céu muito aberto e ficamos espantados, extasiados com a quantidade de estrelas visíveis. Ainda naquela noite voltamos ao campo ficando com as mãos agarradas observando aquela quantidade maravilhosa quantidade de estrelas.

As águas

Gostamos muito de contemplar e explorar cachoeiras. É uma terapia. É ótimo você observar a natureza se manifestando. Na propriedade da Pousada Kolibri está uma cachoeira, na verdade um conjunto de corredeiras longo, lindo e bem acessível. É também possível acessar a água em diversos pontos. Tomamos banho em diversas quedas d’água.

Existem outras cachoeiras com acesso público no município. Quem gosta pode se fartar com esses espetáculos.

Para os que são mais arrojados SFX oferece uma sensação mais radical, faça um Acqua Ride no Rio do Peixe. Explicando melhor (fiquei sabendo dos detalhes somente lá) você deita num bote inflável individual e desce o rio vencendo as corredeiras do rio. Claro que essa mistura de velocidade, imprevistos e água fascinou a Beth que só ficou satisfeita após ter realizado o percurso de grau 2, maior dificuldade.

Outra opção bem mais prosaica de curtir água é visitar o Trutário, um criadouro de trutas.

Como constatamos São Francisco deve ser visitada tanto no inverno pelo seu clima, sua atmosfera, sua excelente culinária, como no verão para aproveitar a riqueza das suas águas.

Xavier, de Assis, das Chagas, quem são esses Franciscos…?

Primeiro não são três, são dois. Francisco de Assis, cidade italiana onde nasceu recebeu os estigmas da crucificação do Cristo e por isso também ficou conhecido pelas suas Chagas.

Francisco Xavier era espanhol, junto com Inácio de Loyola fundou a Companhia de Jesus, a ordem dos padres Jesuítas. A Igreja Católica o considera o maior conversor depois de Paulo.

Francisco Xavier, trabalhou em Portugal na exata época do auge da visão expansionista e dos descobrimentos. Peregrinou por todas as possessões portuguesas e passou boa parte do seu apostolado na Índia e no Japão, onde veio a falecer em 1552.                                                      

Artes                                                                                                                                    Fechando o círculo virtuoso a mão e a alma da gente daquela terra complementa muito bem a viagem. Procure conhecer.

 

 

 

 

 

Manacá da Serra Arte em Cerâmica  Camila Giffoni

 

 

 

 

 

Ateliê Las Máscaras    Carlos Gaudin

 

Atelier de Marchetaria   Gaico Costa

                                                                                                                Flores em madeira, alto relevo         Ateliê Tânia Negrão

Agitação /Passeios/ Prazer  Acqua Ride

Descida de botes infláveis individuais no rio do Peixe Corredeiras de nível 1 e 2

 

Bruxinhas do Mato

Um espaço para banhos, massagens, práticas e tratamentos alternativos. As ervas e flores são cultivadas pela dupla de meninas bruxinhas que também operam uma lojinha de produtos artesanais e alternativos.

Parque de aventuras do Portal do Equilibrium

Uma tirolesa de 770 m, rapel, caiaques pra quem quer mais adrenalina além de passeios a cavalo, trilhas e espetaculares paisagens.

Atmosfera

Uma cidade minúscula, clima agradável, surpresas, qualidade em tudo.Pegamos sem querer uma semana de lua cheia. A região é propícia para se encontrar um céu maravilhosamente estrelado.Namoramos muito. Ficamos com vontade de uivar para aquele luar esplendoroso.

Fazia mais de 15 anos que eu não cortava a barba. Mantinha esse padrão de 4mm, mas não raspava.  Levei a máquina, levei aparelho de barbear, já havia combinado com a Beth que ela rasparia minha barba.

Ela decidiu manter um cavanhaque. Ficou bom, gostei do resultado. Em compensação essa travessa menina resolveu que no meu corpo não ficaria Pedra sobre Pedra, quero dizer Pelo sobre Pele. Tomou os instrumentos e além do cavanhaque poupou apenas as minhas sobrancelhas. De forma tão radical eu nunca havia ficado tão nu, quero dizer, despelado. Depois fomos ver o luar, e…..fiquei com vontade de dar uma gorjeta para meu Anjo de Guarda.

Cako Machini
Cako Machini
Desde 1953 também responsável pelo mundo que vivemos. Publicitário, marqueteiro, empresário. Criativo, amante das artes. Resolvido a viver o Outono de sua Vida junto a natureza, priorizando as palavras e as viagens.

3 Comments

  1. Marcio Okabe disse:

    Muito bom seu post. Quer ajudar no Saofranciscoxavier.net? Acabei de registrar o domínio e vou lançar um blog colaborativo.

    • Cako Machini disse:

      Agradeço o conceito sobre nosso texto. Desejo tudo de melhor para sua iniciativa. Diga que tipo de colaboração vocês precisam, sempre estarei a disposição.

  2. […] da Serra da Mantiqueira. Monteiro Lobato é um minúsculo município vizinho de outra pérola, São Francisco Xavier. Monteiro Lobato é um daqueles passeios que tanto gostamos. Pouca distância, caminho ótimo, […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *