Florianópolis – A Ilha das Bruxas
23 de setembro de 2019
Canela
27 de setembro de 2019

Sua Bagagem

 

Sua Bagagem                                                          Quem disse que fazer malas é um “bicho de 7 cabeças” ?

É sim, quando se faz uma mala sem nenhum critério. Como quase tudo na vida, para que os objetivos deem certo, é preciso planejar.

Primeira coisa é pensar no seu destino de viagem; E praia? É um lugar frio? Vai pra o exterior? É apenas um final de semana numa fazenda?

Pare um instante, pense no tipo de traje apropriado para esse lugar, (seja qual for o lugar, nunca se esqueça de levar um casaco). Nesse destino, como você se sentiria melhor?  

Anote absolutamente tudo que queira levar e coloque tudo em cima da cama e aproveite algumas dessas dicas para te ajudar; Opte por duas malas médias, confortáveis e leves, ou, uma mala grande se for viajar com filho, e mais uma mala de mão, aquela que vai com você dentro do avião ou ônibus.

Na mala de mão, é importante levar; xerox dos documentos, produtos de higiene pessoal, que aliás, esses serão levados em mini embalagens, que são vendidas em farmácias e perfumarias, ou, se preferir, pode também comprar os mini frascos vazios, esses frascos deverão ser devidamente etiquetados para a identificação do produto. Nessa mesma mala, também vai, uma necessaire com maquiagens, (só as principais), uma necessaire com medicamentos mais a carteirinha do plano de saúde, uma muda de roupa, (caso sua mala extravie) e carregador de celular.

Agora, para  malas maiores. O bom é que você separe e monte os looks vai usar, +/- 50 peças, e vá combinando. Para facilitar ainda mais a vida, pode-se montando kits assim: camiseta, calça ou shorts, cueca ou calcinha, abra bem, alisando a roupa com as mãos, coloque uma em cima da outra e faz o rolinho tudo juntinho, ou, dobre, se preferir.

Sapatos: escolha um salto, uma sapatilha, uma rasteirinha que sirva pra sair de noite também, e um chinelo, lembrando que você já está indo calçado (a). Guarde todos os seus calçados dentro de saquinho de tecido ou de plástico. Meias podem ser guardadas dentro dos sapatos. Da mesma forma os xampus, condicionadores, perfumes e cremes.

Peças íntimas  e biquínis, numa necessaire. Os soutiens de bojo devem merecer um cuidado especial. Com certeza eles irão deformar se forem colocados de qualquer maneira na mala. Existem vários organizadores de soutiens de bojo que mantém a forma original.

As bijoux, também devem ser colocadas numa necessaire firme ou em mostruários específicos.

Chapéus, esses são os mais delicados, eles devem ser colocados na mala abertos, sem dobras. Faça com eles uma verdadeira escultura. Eles devem estar pelo meio da mala. Vá recheando com cangas, saídas de praia, regatas. Coloque em seus entorno alguma coisa que possa ser enrolada. Já dispondo em volta suas demais peças.

Importante também é levar um cabide para pendurar suas roupas mais finas e que amassam. Super dica: No momento do banho, deixe esse cabide pendurado próximo ao box. Enquanto você toma seu banho, o vapor do chuveiro irá desamassar essa roupa. Depois desse tratamento a vapor, uma passada de secador de cabelos, irá deixa-las bem lisinhas.

Ah! Não deixe de levar sacolinhas para separar as roupas sujas. Talvez nada volte limpo, mas algumas roupas sujas sempre precisarão ficar separadas.

Bom, agora depois de tudo separado em cima da cama, é hora de guardar na mala. Comece alternando camadas,  na primeira coloque os itens mais pesados como sapatos. Por cima dessa camada, acomode os jeans, casacos e os kits já montados, e assim vá alternando.

As roupas mais leves devem estar por cima de tudo e com o mínimo de dobras.

Frestas nas laterais das malas devem ser aproveitadas para acomodar cintos e outras peças pequenas.

Toda e qualquer mala que você fizer na vida deve ter o mesmo critério por exemplo. Determine que sempre que você abrir sua mala, sua necessaire de peças íntimas estará no canto superior esquerdo. Estabelecer critérios de disposição das coisas dentro de sua mala evitará estresse, deixará você familiarizada com sua bagagem, criará racionalidade e agilidade. Isso será sentido inclusive e principalmente quando você estiver organizando novamente suas malas para a próxima viagem. A mala pode variar, sua distribuição interna…. Melhor não.

Mala pronta? Ótimo. Não feche ainda. Você pode querer alterar alguma coisa de última hora.

                          Resumindo

Escolha a mala certa

                        Seja elegante, mas dimensões, segurança, praticidade devem                                      prevalecer sobre critérios estéticos.

Planeje antes de começar á selecionar as peças

                        Uma lista escrita é o ideal, uma lista mental ajuda, mas nunca                                    comece descendo todo seu guarda roupa sobre a cama.

Separe tudo antes de colocar na mala

                        Tudo o que você pensar em levar está separado, ótimo. Mas se                                    pergunte. Entre o que você pensa em levar e o que você precisa                                    levar alguma coisa pode, ou deve ficar pra trás?

Dê preferencia á cores neutras e tecidos que não amassam

                        Ser elegante não te obriga a ficar se estressando com a roupa.

Peças enroladas acomodam melhor e são visualizadas com mais facilidade

                        Otimizar espaços, criar praticidade é obrigação. Invista algum                                    tempo em organização no preparo e não perderá nem seu humor                                  nem seu tempo durante a viagem.

Atenção na hora de escolher e guardar os sapatos

                        Ser racional quanto ao número de peças escolhidas é                                                  fundamental quanto aos sapatos mais ainda.

Leve apenas os produtos de beleza e higiene necessários

                        Espaço, volume e peso são elementos que devem estar em                                          qualquer decisão. Leve racionalmente o necessário.

Deixe algum espaço sobrando na mala

                         A probabilidade de você voltar trazendo mais coisas do que levou                                 é absoluta. Uma mala extra é quase impensável. Reflita.

Marque sua mala com um lenço bem diferente ou uma fita

                        Um adesivo, um pingente. Diferencie, personalize sua bagagem

       … … No mais, Boa viagem!

____________________________________________________________________________

Publicado por Simone Silva em Domingo, 13 de maio de 2018

O depois da organização da gaveta.

Publicado por Simone Silva em Domingo, 13 de maio de 2018

Cako Machini
Cako Machini
Desde 1953 também responsável pelo mundo que vivemos. Publicitário, marqueteiro, empresário. Criativo, amante das artes. Resolvido a viver o Outono de sua Vida junto a natureza, priorizando as palavras e as viagens.

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *